• Valéria Rossato

Escala Glogau - Avaliando o envelhecimento da pele



Você já ouviu falar da escala de envelhecimento Glogau?

A escala de envelhecimento Glogau foi criada por um influente dermatologista norte americano chamado Richard Glogau, cuja clínica se situa em São Francisco, Califórnia. Ele criou essa escala de 4 níveis para ajudar a padronizar os pacientes em graus de envelhecimento, facilitando a tomada de decisão na hora de direcionar os tratamentos estéticos.


Grau 1 - No wrinckles (Sem rugas). Sinais iniciais de envelhecimento cutâneo, mudanças muito sutis na pigmentação da pele, rugas mínimas e finas, sem lentigos senis (aquelas manchinhas marrons que percebemos depois de certa idade em áreas de exposição solar como dorso das mãos e face)

Grau 2: Típico de pacientes dos 30 aos 40 anos. A/o paciente possui linhas que surgem ao redor dos olhos e da boca quando movimenta a face. Alguns lentigos senis muito inciais, marrom claro. Começa a haver uma alterçaão na textura da pele.

Grau 3: Agora são pacientes com mais de 50 anos. Já possuem rugas em repouso, uma pigmentação amarronzada proeminte da pele, principalmente atraves dos lentigos senis, visualiza-se também vasinhos pequenos na superfície.

Grau 4: São pacientes geralmente acima dos 70 anos, mas dependendo da exposição solar que a pessoa teve durante a vida, esse grau pode estar presente em pacientes com 60 anos. Chamada de "Only Wrinkles", cuja tradução para o português seria "Apenas Rugas". O que vemos é um fotodano severo, com rugas em todos os locais, tanto em repouso quantoe m movimentação. A cor da pele tem uma coloração amarela-acizentada, com multiplos lentigos senis e também presença de sinais de cancer de pele como ceratoses actinicas (umas "casquinhas rosinhas")


Cada grau na escala exige um padrao de tratamento diferente. Por exemplo, pacientes com grau 4 podem não se beneficiar da aplicação de toxina botulinica, visto que necessitam mais de sustentação do que de paralisação da musculatura.  E essa regra serve para todas as idades: um mesmo tratamento não serve para todas! é super necessário uma indicação precisa e individualizada por um médico dermatologista com experiência em procedimentos estéticos.

Ficaram com alguma dúvida? Contate nossa equipe!

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
 

©2020 por VR Dermatologia. Orgulhosamente criado com Wix.com